Ilusões


04 Jan
04Jan

Todos os medos são inventados na mente, daí dizermos que a mente é mentirosa.
Na maior parte dos casos, aquilo de que temos medo não acontece ou então acontece numa proporção mínima e com um impacto pouco significante.
Podemos aprender a controlar o impacto da ansiedade relembrando essas situações em que conseguimos enfrentar medos, sabendo que de nada adianta sofrer por antecipação. A preocupação por si só, nunca resolve absolutamente nada, pelo contrário, piora a situação e em particular o nosso bem-estar.
A proatividade (responsabilização por escolhas e ações) é a forma mais fácil de aniquilar ansiedades. 

Relembrar sempre que as crises representam oportunidades de luxo para saltos quânticos no campo pessoal e/ou profissional. 

Tendo isto em consideração, podemos começar a pensar e agir de forma diferente, mantendo e cultivando o otimismo e agindo de acordo com o nosso bem supremo.
Bem vistas as coisas, o que ganhamos com os medos e com o pessimismo? Ganhamos ansiedade e sentimentos depressivos.
O que acontece se ignorarmos os nossos medos e formos otimistas? Perdemos ansiedade e ganhamos poder pessoal, auto-confiança e garra.

Nunca ouviram dizer que a nossa vida contrai ou expande em função da nossa coragem?!
Independentemente daquilo em que escolhemos acreditar, a vida vai sempre dar-nos razão.
Se acreditarmos que conseguimos, conseguimos. Se acreditarmos que não, não conseguimos.

O que querem que aconteça na vossa vida neste momento?
Foquem bem... escolhem ser otimistas ou pessimistas?
Agora, carreguem na Fé! 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.